Uso de lona térmica para minimizar os prejuízos causados pela oxidação na cerveja

Uso de lona térmica para minimizar os prejuízos causados pela oxidação na cerveja

A utilização de lona térmica para minimizar os prejuízos causados pela oxidação na cerveja é um tema de muita importância para as empresas que fazem a distribuição e o transporte de bebidas, pois podemos aplicar o resultado para qualquer tipo de bebida.

Efeitos do sol na cerveja

Os três principais inimigos da cerveja são a luz, o calor e temperaturas elevadas, pois estes aceleram o processo de oxidação. Este trabalho apresenta o processo de oxidação e quais os prejuízos que ele causa na cerveja. Apresenta também o efeito isolante da lona térmica, através de simulação em laboratório da exposição da cerveja ao sol com e sem lona térmica. Apresenta o método sensorial como teste de aceitação do produto.

Para simulação do efeito do calor na cerveja em embalagem lata como agente de aceleração da sua oxidação, foram selecionadas amostras com mesma data de validade e divididas em dois grupos A e B. O grupo A ficou sob o sol protegido por uma lona de caminhão comum e o grupo B ficou também sob o sol, porém protegido com uma lona térmica.

Os dois grupos ficaram sob o sol por um tempo t(h) determinado. Este tempo foi a média de horas que caminhões carregados de cervejas esperam diariamente em frente as lojas de auto serviço para descarregar a mercadoria. Para o teste este tempo foi de 10h, que é o pior cenário de espera de um caminhão. Para confecção da lona térmica, serão necessários: a) 2 metros de lona comum para caminhão (novas ou usadas); b) 1 metro de manta térmica.

Testes

A função da manta foi manter a temperatura interior do grupo de amostras, e assim na carroceria do caminhão. Para o teste sensorial de preferência foi elaborado uma ficha com alguns dados dos degustadores voluntários, teve também três codificações aleatórias, iguais aos das amostras que eles receberam e um campo para demais observações.

Foi solicitado ao degustador voluntário que ele provasse as três amostras recebidas, na ordem da esquerda para a direita, e que marcassem na ficha de degustação, qual a amostra diferente. Os resultados da análise sensorial foram consolidados e serviram de base para conclusão do efeito isolante da lona térmica.

Conclusões

Observou-se alguns fatores de viabilidade para o uso de lona térmica em caminhões de entrega:

a) Atendimento: diminui a velocidade de descarregamento dos produtos, visto que a lona térmica é mais difícil de manusear devido seu maior volume;

b) Qualidade: diminui sensivelmente a incidência de calor nos produtos, aumentando assim a estabilidade da cerveja;

c) Custo: baixo, pois o investimento seria apenas da manta térmica.

Pode-se afirmar, a partir dos resultados de análise sensorial realizados com as duas amostras que a lona térmica consegue proteger sensivelmente a cerveja do efeito do calor e altas temperaturas internas. A aplicação de lona térmica em caminhões de entrega irá aumentar a sua estabilidade.

Fonte: http://www.abq.org.br/cbq/2011/trabalhos/9/9-586-102.htm

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *